Sebastião Misiara: É necessário acordar para o novo tempo.

//Sebastião Misiara: É necessário acordar para o novo tempo.

Sebastião Misiara: É necessário acordar para o novo tempo.

Nesse artigo, Sebastião Misiara, demonstra a sua opinião sobre os desafios que prefeitos e vereadores precisam enfrentar.

As redes sociais estão definindo os novos rumos. As condições atuais do Brasil, o patamar em que se encontrar a classe política brasileira, as péssimas noticias sobre a economia, o crescimento pífio do PIB, levam-nos a uma reflexão profunda dos rumos a seguir.

Os desafios com que se defrontam os prefeitos e vereadores dos municípios brasileiros requerem, obrigatoriamente um reajuste entre as necessidades crescentes da população e os recursos cada vez mais escassos para supri-las.

Portanto, a tarefa de governar já não se reduz mais à ação rotineira de tentar resolver os problemas segundo a visão de cada governante. Exige-se hoje uma tomada de atitude que envolva a todos para que as dificuldades não recaiam sobre os poderes unicamente.

A cidadania, através da sociedade civil organizada, bem como as empresas, já estão acordando para os novos tempos e começam a dividir as tensões diante dos problemas que a cada dia a imprensa divulga, comenta e mostra o Brasil que estamos vivendo.

É preciso que, agora, as autoridades municipais, diante do sufoco da falta de recursos, das despesas que não cessam, conscientizar-se do seu papel de convocar a todos para a “união por todos”. A união do Executivo, do Legislativo , do Judiciário e do Ministério Público em torno dessa luta é essencial. A “revolução” que está em andamento no país, é uma revolução sem volta e envolverá a todos que atuam na vida pública, eleitos e nomeados de todos os poderes.

É urgente apresentar a situação dos municípios, que esperam um pacto federativo que não virá, a todos os envolvidos na vida municipal.

Como as decisões dos prefeitos, ao contrário do que ocorre em outras atividades, elas são IMPERATIVAS, não devem ser tomadas sem ouvir à exaustão todos os envolvidos no processo, porque o momento é complicado.

Os vereadores devem ouvi-lo e opinar. O judiciário ser solicitado a entender a situação da queda dos repasses e o ministério público achar a formula em conjunto.

A sugestão do ex- presidente do Tribunal de Justiça do Estado, desembargador José Renato Nalini, cabe aqui. “Como existe uma cifra volumosa de ações diretas de inconstitucionalidade promovidas pelo Ministério Público, não é demais, se for o caso e se as relações entre as instituições forem saudáveis, como devem ser na democracia, que o Promotor de Justiça da comarca seja consultado. Em suas funções institucionais, não está proibido que o promotor atenda às partes interessadas no aperfeiçoamento da Democracia. A contrário: é tradicional o atendimento a todos os que o procurarem. As assessorias das Câmaras Legislativas também integram a cidadania e não pode haver recusa a uma orientação”.

Dessa forma, ante a situação por quem passa o município, se todos se mostrarem dispostos à solução, as dificuldades poderão, em parte, serem superadas.

Essas dificuldades são encontradas nas pesquisas de opinião pública que podem ser condensadas em uma só. 48% dos brasileiros acham um golpe militar justificável diante de muita corrupção.

A cientista política húngura Agnes Heller, num texto sobre os desafios da humanidade, comentou no final do século XX, “A fraternidade não é somente um meio para alcançar qualquer outro objetibo, mas é sobretudo o fim principal. É um convite à ideia de que todos os povos da terra, todas as nações soberanas podem viver juntos, garantida a disposição geral de revolver conflitos através do diálogo. A Fraternidade está tão fortemente ligada à sobrevivência do nosso planeta e da nossa espécie, que se tornou uma necessidade.

Sebastião Misiara é presidente da União dos Vereadores do Estado de São Paulo

2017-05-26T12:56:36+00:00 Maio 26th, 2017|Categories: Últimas|0 Comments

This Is A Custom Widget

This Sliding Bar can be switched on or off in theme options, and can take any widget you throw at it or even fill it with your custom HTML Code. Its perfect for grabbing the attention of your viewers. Choose between 1, 2, 3 or 4 columns, set the background color, widget divider color, activate transparency, a top border or fully disable it on desktop and mobile.

This Is A Custom Widget

This Sliding Bar can be switched on or off in theme options, and can take any widget you throw at it or even fill it with your custom HTML Code. Its perfect for grabbing the attention of your viewers. Choose between 1, 2, 3 or 4 columns, set the background color, widget divider color, activate transparency, a top border or fully disable it on desktop and mobile.